Redes sociais que alavancam seu negócio online

Redes sociais que alavancam seu negócio online

10/12/2018 0 Por Agência H1 Code

Se alguém tinha ainda alguma dúvida da força das redes sociais perante as pessoas, a eleição de Jair Bolsonaro para Presidência da República serviu para sana-la completamente.

O presidente eleito teve apenas 8 segundos no horário eleitoral na TV. No entanto, o engajamento de sua campanha nas redes sociais foi enorme.

Da mesa da sala de sua casa, com iluminação improvisada e apenas a câmera do celular, Bolsonaro fez ‘lives” em seu Facebook em que a audiência chegou a ser maior que alguns canais de televisão.

Os números de Bolsonaro nas redes socais são impressionantes: Facebook: 9,6 milhões de seguidores. Instagram: 6,6 milhões de seguidores. Twitter: 2,25 milhões de seguidores e Youtube: 2,1 milhões de seguidores.

Se as redes sociais desempenharam papel fundamental na eleição de um presidente da República, imagine o que pode fazer, se trabalhada e gerida corretamente, com seus negócios. É o que vamos abordar neste artigo: o uso das redes sociais no seu negócio online.

Use as redes sociais para ganhar dinheiro

Não são somente estas redes sociais já citadas (Facebook, Instagram, Twitter e Youtube) que existem e que você pode utilizar para ganhar dinheiro com seu negócio online.

Há também o Linkedin, Pinterest, Gab, Reddit, entre outras. O Whatsapp também pode ser usado para seu negócio online, mas não é, necessariamente, uma rede social propriamente dita, e sim um aplicativo de troca de mensagens.

No artigo vamos analisar as 4 redes sociais que são mais utilizadas para negócio: Facebook, Instagram, Youtube e Linkedin.

Facebook

É a maior rede social no mundo. Possui nada menos do que 2,2 bilhões de usuários em todo globo terrestre. Só para se ter uma ideia, isso representa 22% da população mundial.

No Brasil, há rede social conta com cerca de 140 milhões de usuários. A faixa etária que registra o maior número de usuários é a de 18 a 29 anos.

Isso não significa que só há jovens no Facebook. Há usuários que passam dos 65, 70 anos de idade. E até mais. Só para efeito de comparação, Lillian Lowe, do País de Gales, é a usuária mais idosa do Facebook atualmente com 103 anos.

80% de usuários de redes sociais possuem um perfil no Facebook.

Uma grande vantagem do Facebook, além de ser extremamente popular, é a possibilidade exata de atingir seu público-alvo de forma extremamente específica.

Em um anúncio no “Facebook Ads”, você escolhe a faixa-etária, o sexo, qual a região do planeta que seu anúncio chegará, entre outros.  Além destes fatores, a chance da sua mensagem chegar ao seu público-alvo aumenta e razão de que 76% dos usuários do Facebook visitam a plataforma diariamente

Instagram

O Instagram é uma das redes sociais que mais cresce no mundo. Já superou a marca de 1 bilhão de usuários. O Instagram foi comprado pelo Facebook em 9 de abril de 2012 por 1 bilhão de dólares. Desde então, essa integração com o Facebook ajudou, e muito, a rede social a registrar um boom de crescimento de usuários.

A adição de ferramentas, como os famosos “stories”, os pequenos vídeos ou postagens com efeitos que desaparecem em 24 horas, também contribuíram para o crescimento da rede social (aliás, este recurso sentenciou a “morte” do Snapchat, que no ano passado registrou prejuízo de 2 bilhões de dólares e queda vertiginosa de usuários).

Além da possibilidade da integração do anúncio realizado no Facebook Ads, o anúncio nos “Stories” também tem gerado bons resultados. O encontro de potenciais clientes se dá por meio das hashtags.

Além de seguir o perfil de uma pessoa, há possibilidade de seguir uma hashtag específica sobre seu negócio. Então, assim que alguém fazer uma publicação com a sua hashtag, a publicação irá aparecer para você. Ou seja, significa que aquele perfil tem algo que está ligado ao seu negócio

Pois, de acordo com as estatísticas oficiais, 35% dos usuários que estão na internet possuem uma conta no Instagram e deste montante, 35% checa o perfil várias vezes ao dia.

A maior faixa etária é vai de 18 a 29 anos, representando 59% dos usuários.

Youtube

É o segundo mecanismo de busca mais utilizado no mundo, só atrás do Google, que é o seu proprietário. Por esta razão, tem grande potencial quando se fala em otimização SEO.

O Youtube também é uma rede social em crescimento. Registra cerca de 1 bilhão de usuários. 5 bilhões de vídeos são assistidos todos os dias.

Ter um canal no Youtube virou uma tendência, desde o mais simples usuário   até grandes conglomerados de mídia.

O número de canais aumenta a cada dia, por isso é impossível definir um número. Em fevereiro deste ano, 200 milhões de canais haviam publicado, ao menos, um vídeo.

Além de ter um canal, outra forma de fazer o seu negócio online crescer é anunciando na plataforma Ads do próprio Youtube.

Linkedin

Se o seu produto é voltado para o segmento de gestão de pessoas, o Linkedin é a principal rede social para se investir. Também muito indicado para B2B, ou seja, negócios entre empresas. Só para se ter uma ideia, 94% do marketing B2B é feito no Linkedin.

Uma forte segmentação no Linkedin é a área profissional. Por isso, é importante manter um perfil atualizado com várias conexões com empresas e grupos específicos.

Em 2017 o Linkedin já registrava 467 milhões de usuários.

Como destacado no artigo, há outras redes socais existentes, mas estas descritas no artigo são as que mais estão dando lucro para aqueles que vem investindo em redes sociais.

É indicado estar em pelo menos três destas. E para profissionalizar o uso de suas redes sociais, é essencial ter uma empresa especializada no assunto.

A H1 Code é especializada em gestão em redes sociais. Profissionalize já suas redes sociais com os serviços oferecidos pela H1 Code e aumente seu faturamento.